5 de out de 2010

Arquitetura: Estudo da Forma e Setorização - Definitivo Projeto do Hotel Baía de Todos os Santos


Enfim, após exatos 32 dias após as preliminares de Projetos "chegamos" a uma forma definitiva do nosso Projeto do Hotel que segundo o nosso programa de revitalização proposto pelos nossos Professores envolveria um Complexo Esportivo e de Entreterimentos e um Hotel sendo esse o alvo desse semestre letivo na disciplina!Depois de alguns embates entre o nosso trio e os Mestres chegamos enfim ao Partido Arquitetônico e Conceito, bem como a setorização dos Ambientes que conterão esse Hotel. Se me permitem uma opinião mas já falando, foi árduo mas até que gostei do resultado final!

Conceito: Container 

          O Container é, primordialmente, uma caixa, construída em aço, alumínio ou fibra, criada para o transporte unitizado de mercadorias e suficientemente forte para resistir ao uso constante. Tem como característica principal constituir hoje em dia uma unidade de carga independente, com dimensões padrão em medidas inglesas (pés). A unidade base geralmente considerada é o TEU (em inglês: twenty feet equivalent unit''). O container é identificado com marcas do proprietário e local de registro, número, tamanho, tipo, bem como definição de espaço e peso máximo que pode comportar etc. Ele foi se transformando na sua concepção e forma, deixando de ser apenas uma caixa fechada, para apresentar diversos tipos, dependendo da exigência de cada mercadoria.
          
           Para chegarmos a este conceito foi um pouco óbvio, pois na área de implantação do hotel hoje funciona as docas e lá possui muitos containers em tamanhos e posicionamentos diferenciados. Evitando a objetividade da forma existente, optamos pela desconstrução baseado na união. Transformando algo que originalmente temos ortogonal, regular e vertical em desconstruído, articulado e horizontal. 


Localização do Hotel. Fonte: Google Earth
Panorama Singapura Port. Fonte: Google Imagens

PARTIDO ARQUITETÔNICO

          O partido foi definido através do conjunto de condicionantes como clima e implantação para a forma que foi definida para este projeto. Partimos do pressuposto que esta edificação além de oferecer conforto e diversidade em serviços, deve dialogar com o espaço externo e com a cidade antiga que está nas suas proximidades. Optou-se por uma linguagem contemporânea e coerente com a realidade regional buscando promover a qualificação do espaço urbano e a apropriação deste pelos usuários. A simplicidade nas soluções arquitetônicas e a utilização dos materiais na sua forma original buscaram favorecer a legibilidade do edifício.
          Assumiu-se que qualquer iniciativa, por menor que possa parecer deve contribuir com a busca por soluções ambientalmente corretas. Sustentabilidade do local e do entorno; Eficiência no uso água; Energia e atmosfera; Materiais e recursos; Qualidade ambiental do interior; Processo de design e inovação.
 
Vista 01 - Imagem Aérea. Fonte: Bruna Mota
          Nesse momento, são necessárias discussões sobre projeto, tecnologia, aplicação de materiais e estrutura. Todos esses aspectos do projeto vistos em conjunto exercem um impacto no desempenho térmico do edifício, por terem um papel determinante no uso das estratégias de ventilação natural, reflexão da radiação solar direta, sombreamento, resfriamento evaporativo, isolamento térmico, inércia térmica e aquecimento passivo. O uso apropriado de uma dessas estratégias, ou de um conjunto delas, por sua vez, vai ser determinado pelas condições climáticas, exigências do uso e ocupação, e parâmetros de desempenho. Este estudo preliminar ao qual os nossos mestres aprovaram (sem muitos problemas) agora irá passar pelo primeiro processo de humanização das plantas como ficará cada pavimento. Hoje já sabemos como integrar ambientes, alguns inclusive passarão por pequenos ajustes.

Vista 02 - Perspectiva Lado Serviços. Fonte: Bruna Mota
Vista 03 - Perspectiva Entrada Principal. Fonte: Bruna Mota
 O Programa Básico desse Hotel contem: 
  • 297 Apartamentos (Suítes Simples e Masters)
  • Centro de Convenções
  • Restaurante Específico
  • Bar Específico
  • Café Livraria
  • Business Center
  • Telefones e Cyber Espaço
  • Spá
  • Sala de Cinema
  • Espaço Fitness
  • Áreas de Piscinas
  • Salão de Beleza
  • Lojas de Grifes
  • Infra Estrutura de Serviços e Apoio do Hotel
Vista 04 - Perspectiva Lado Marina. Fonte: Bruna Mota
 
Vista 02 - Perspectivas Gerais. Fonte: Bruna Mota
Planta Baixa Subsolo. Fonte: Bruna Mota
Planta Baixa Térreo. Fonte: Bruna Mota

Planta Baixa Tipo 1°,3°,5° Pavimentos. Fonte: Bruna Mota

Planta Baixa Tipo 2°,4°,6° Pavimentos. Fonte: Bruna Mota
 
           Dentre as muitas dificuldades é sermos todos debutantes neste tipo de projeto, a complexidade e gama de serviços oferecidos em um hotel que é imensa. Mas taí O desafio foi nos dado e aceito e como esse é o nosso último semestre das disciplinas Projeto Arquitetônico e Urbanístico (ao todo de 6), o saldo tem sido positivo. Sinceramente eu ainda queria aprender como projetar um Shopping e um Hospital inclusive pela importancia e papel que ambos tem numa cidade. Isso a vida profissional se encaregará de nos ensinar, por enquanto nosso saldo é positivo e vamos aproveitar!